Cirurgia Ortognática

Cirurgia Corretiva dos Maxilares

Uma face que não está perfeitamente simétrica, o mau alinhamento dos maxilares (deformidade dentofacial que pode ocasionar transtornos de mastigação, fala, dores faciais, dores de ATM e estalos articulares, comprometendo também a parte estética) ou ainda um sorriso gengival podem ser corrigidos com cirurgias ortognáticas ou reconstrução de mandíbula.

O médico Crânio-Maxilo-Faciai, pode reposicionar cirurgicamente os maxilares, para obter benefícios estéticos e fisiológicos e promover uma mastigação, respiração e fala normais, melhorando sua auto-estima.

A cirurgia ortognática é sempre planejada em conjunto com o Ortodontista, que fará o alinhamento, nivelamento e descompensação dentária para que, quando feita a cirurgia de correção dos maxilares, os dentes se encaixem perfeitamente.

  • Prognatismo: caracteriza-se pela presença do queixo muito pronunciado e perfil facial côncavo
  • Micrognatismo: apresenta um queixo pequeno e perfil facial convexo (cara de pássaro)
  • Face longa (sorriso gengival): mostra a face alongada, e quando sorri mostra excessivamente a gengiva superior;
  • Face curta (sorriso que não mostra os dentes): nestes casos, a pessoa aparenta não possuir dentes quando sorri;
  • Mordida aberta: quando o paciente está de boca fechada, os dentes não estão em contato, observando-se em muitos casos uma aparência de respirador bucal;
  • Assimetria facial: nestes casos, existe um crescimento desigual da face desviando o queixo para um dos lados.

Quem precisa de Cirurgia Ortognática?

As pessoas que têm uma mordida errada ou por conseqüência um crescimento assimétrico da face ou que apresentam seqüelas por traumatismos faciais (acidentes automobilísticos, traumas na face durante a infância).

Procedimentos Cirúrgicos Complementares

A pele que cobre nossa face é análoga a um cobertor. A forma da face é determinada pela arquitetura óssea subjacente. Este esqueleto, em algumas pessoas, pode ser pronunciado e em outras parecer pequeno, aplainado ou apresentar apenas o queixo pequeno.

Crescimento Maxilar-Desigual uma causa para preocupação


Quando os maxilares de um indivíduo não atingem seu crescimento de modo adequado, dificultando tanto funcionais quanto psicológicos podem ser vivenciadas. Funcional mente, essa anormalidade poderá interferi com a mastigação adequada, criar dificuldades de deglutição,causar uma fala defeituosa , resultando em respiração bucal crônica elevando à dor maxilar. Dificuldades psicológicas que podem acompanhar esse tipo de problema também devem ser consideradas . 

Algumas anormalidades envolver apenas o desalinhamento dental e podem ser corrigidas ortodonticamente com diferentes aparatos. Problemas mais sérios podem requerer cirurgias que movam completa ou parcialmente a maxila, a mandíbula ou ambos para um posição mais favorável. A correção cirúrgica de anormalidades maxilares (cirurgia ortognática) é empreendida após um estudo completo e detalhado e uma consulta com o ortodontista e com o reabilitador oral. Uma vez determinada a natureza precisa da anormalidade,a estratégia cirúrgica é definida e um desfecho (prognóstico) razoavelmente estabelecido.

A cirurgia pode ser em âmbito hospitalar ou ambulatorial, sob anestesia geral . A cirurgia maxilar corretiva movimenta os dentes e maxilares para uma nova posição , mais balanceada funcionalmente e mais saudável.

Saiba mais sobre prognatismo:

 

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=T-FLejm_WjQ

{youtube}_KU_uSr637w|600|430|1{/youtube}

Portuguese Chinese (Simplified) Dutch English French German Italian Japanese Russian Spanish

Medicina